Portal de Uruçuí - A Notícia do Tamanho da Verdade!

Hospital de Urucuí reduz em 70% a transferência de pacientes

Segundo a direção, foram implantadas sala de observação e estabilização e hospital foi 90% climatizado

15/03/2020 19:48 em Social Saúde
Hospital de Urucuí reduz em 70% a transferência de pacientes
Hospital de Urucuí reduz em 70% a transferência de pacientes
Unidade já realizou 25 mil atendimentos só em 2020 e reduziu efetivamente a quantidade de pacientes transferidos para unidades de referência como Floriano e Teresina.
O Hospital Regional Senador Dirceu Arcoverde em Uruçuí é referência nos serviços de Urgência e Emergência com suporte a assistência hospitalar para a região dos Tabuleiros do Alto Parnaíba.
 Em 2020 a unidade já atendeu mais de 25 mil pacientes da região nos serviços da clínica geral, obstetrícia, ortopedia, exames de imagens, exames laboratoriais, atendimentos com psicólogos, fisioterapeutas e nutricionista. O Governo do Estado tem investido recursos do tesouro estadual para adequação, ampliação e melhorias dos serviços de assistência hospitalar na região.
Os avanços refletem na melhoria da qualidade do atendimento. Com a reforma dos postos de enfermagem, das enfermarias e inauguração do centro cirúrgico, o Hospital reduziu cerca de 70% das  transferências de pacientes para outras unidades de referência.
Funcionando desde fevereiro, o centro  cirúrgico do hospital  atende diariamente as demandas de cirurgias nos casos de emergência obstétrica. A partir da segunda quinzena de março o Hospital passará a fazer cirurgias eletivas nas áreas de obstetrícia, colecistectomia (vesícula), herniotomia, apendicectomia, histerectomia total, histerectomia parcial, laqueadura e perineoplastia.
Entre os avanços, o diretor do hospital, Patrick Costa, destaca a adequação e melhoria da agência transfusional contendo serviços oferecidos pelo Hemopi; melhoria da estrutura do Centro Integrado de Reabilitação- CEIR e  implantação do espaço Samvis para habilitação dos serviços.
hospital 1
De acordo com o diretor geral, Patrick Costa, o hospital avançou muito nos últimos sete meses. Ele destaca, na sua gestão, a ampliação da capacidade de leitos que aumentou de 26 para 51 unidades.

Além disso, foram implantadas sala de observação e  estabilização e hospital foi 90% climatizado. “São vários avanços como a implantação do novo anexo administrativo e de um  sistema de gestão de segurança eletrônica. Também expandimos o sistema de tecnologia da informação, deixando o hospital mais moderno”, destaca Patrick.

hospital 2

Fonte: Assessoria

Comentários